SAÚDE CRÔNICA: Rotinas e hábitos saudáveis melhoram vida

0
69

Com o mês de Janeiro se encaminhando aos últimos dias, recomeçam as aulas na maior parte das escolas, pelos menos aqui de Brasília. Para mim, isso quer dizer que na noite anterior foram organizados todos os materiais dos meus dois filhos e, de manhã, levantei mais cedo para ajuda-los a se arrumar para o retorno – nem sempre muito aguardado.

Durante o caminho para deixar cada garoto em uma escola, vieram os questionamentos. Cada um tinha sua dúvida do porque era preciso fazer as mesmas coisas todos os dias. Eu respondi a todas as perguntas como eu acho que um bom pai o faria. Mas a maior parte do que eu falei poderia ter se resumido em uma única palavra: rotina.

Claro que não seria apenas dizer “ok, vocês precisam de rotina”, mas no meu “modo automático”, acabei não pensando muito bem a respeito da importância do que essa palavra significa para o crescimento dos garotos. E ouçam bem, por muitos anos, eu mesmo não compreendi exatamente a necessidade de termos certa rotina na nossa vida. Isso mudou depois que eu fiz algumas pesquisas para reportagens a respeito de hábitos saudáveis e qualidade de vida, entrevistando especialistas, ouvindo relatos da população e lendo estudos técnicos.

__________Publicidade_____________

 Rotina é aquele hábito de fazer as mesmas coisas de uma forma sempre parecida ou mesmo idêntica. Tudo com objetivo de que o nosso dia seja mais proveitoso e menos desgastante. E mais: as decisões tomadas ao longo do nosso dia, desde a hora em que acordamos até dormir, podem afetar nossa disposição, a atenção no trabalho ou na escola e, principalmente, nossa saúde. De forma simples, ter uma rotina significa ajudar nosso corpo a funcionar melhor. Com isso, não quero dizer que qualquer rotina é boa! É preciso encontrar a melhor forma de planejar o dia para ter benefícios à saúde.

Para tentar contribuir com seu dia, vou listar algumas das dicas mais interessantes coletadas ao longo de alguns anos de apuração jornalística! São simples, mas podem fazer a diferença: Acorde cedo! Não precisa ser às 5h da manhã se não houver necessidade, mas tente não ficar de preguiça. Por falar nisso, ao acordar, sempre arrume a cama, pois independente de como você estiver quando chegar em casa, é sempre relaxante estar com a cama organizada. Cuide muito bem da sua alimentação, e não estou falando apenas de comer no café da manhã e demais refeições, mas falo sobre se alimentar da forma correta. Guarde um tempo para praticar exercícios e isso pode ser o que mais agrada, yoga, caminhada, artes marciais ou qualquer outra. Por fim, evite dormir muito tarde, pois assim você não descansa o necessário e o corpo fica desregulado, atrapalhando suas funções pelo resto do dia.

Por Janary Damacena